Economia

Economize da forma certa em 2021 – guia definitivo

Published

on

Economizar não é fácil, não existe um método que funcione para todo mundo. Mas é necessário para quem não deseja ser pego de surpresa com imprevistos financeiros. Portanto, reunimos algumas dicas de economia genéricas para que você economize e construa um bom patrimônio no ano que se avizinha.

1 – Estabeleça metas factíveis

A primeira coisa que você deve fazer é estabelecer o valor que pretender economizar no ano. Mas obviamente que precisa ser algo possível, uma meta que não afete sua sobrevivência com dignidade. Isto é, cortando apenas o supérfluo, o desnecessário, aquilo que não te fará falta.

2 – Economize com objetivos de curto prazo

O melhor é ter metas semanais, isso te manterá estimulado a seguir economizando. Já que você verá os resultados do seu esforço com maior frequência. Guardar 10 ou 20 reais por semana é um bom começo. Um mês é também um prazo bom para economizar, mas nem todo mundo se dá bem com ele.

3 – Siga o método de orçamentos fixos

A ideia é colocar quantias predeterminadas de dinheiro em envelopes separados assim que você receber o seu salário. Por exemplo, envelope lazer = 300 reais; envelope estudos = 200 reais; envelope beleza = 250 reais e assim por diante. Acabou o dinheiro do envelope, não haverá mais gastos até o próximo mês. Desse modo, você limita seus gastos a um valor fixo mensal.

Você pode gostar: Investir em ouro: a melhor alternativa em tempo de crise

4 – Invista de rápido e de forma automática

Quanto mais longe você estiver do dinheiro, menos sofrerá tentação em gastá-lo. Portanto, economize assim que receber seu salário transferindo uma parte para uma poupança. Igualmente, você pode investir imediatamente em títulos prefixados ou CDBs com liquidez no vencimento. Isso te livrará da tentação de levar todo o dinheiro pra casa e gastá-lo em dois dias.

5 – Economize cortando gastos supérfluos

Busque sempre gastar em coisas úteis e dentro das tuas possibilidades. Ostentar é pura vaidade, roupas e calçados de marca vestem e calçam como quaisquer outras. Sua preferência deve ser os produtos bons e não os caros. E acredite, sempre existem produtos e serviços bons por preços mais em conta.

6 – Calcule seus gastos em horas de trabalho

Dessa maneira, você saberá quanto cada coisa te custará em termos de esforço. E será bem mais fácil definir aquilo que vale a pena e aquilo que não vale; diferenciando o que é essencial do que é supérfluo. Você jamais comprará um sapato que te custe 15 dias de trabalho duro, só porque é de uma marca conhecida. Pense nisso.

7 – Economize nas taxas bancárias

Com o avanço tecnológico já entraram no mercado bancos muito melhores e mais baratos que os tradicionais. Além disso, com atendimento mais eficiente, sem necessidade de encarar porta giratória e filas imensas. Nubank e Banco Inter são exemplos de bancos digitais totalmente gratuitos, com cartões, empréstimos e investimentos sem taxas. Fuja dos grandes bancos!

Você pode gostar: FGTS emergencial pode ser sacado somente até quinta-feira – R$ 1.045

Gostou? Compartilhe!



Gostou? Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais!